Seu Navegador não suporta JavaScript!
Portal do Governo Brasileiro

Boxe brasileiro fecha sua participação no Pan com ouro da Sargento Beatriz Ferreira

O décimo dia do Pan-Americano de Lima, no Peru, foi histórico para o boxe brasileiro. Nesta sexta-feira (2), a Sargento da Marinha do Brasil Beatriz Ferreira conquistou a primeira medalha de ouro do boxe feminino brasileiro em Jogos Pan-Americanos, ao derrotar a argentina Dayana Sánchez na final da categoria até 60 kg. A vitória da militar atleta, além de ser inédita, termina com o jejum de 12 anos do país na modalidade desde o ouro de Pedro Lima na Rio 2007. 

No masculino, categoria até 75 Kg, o Sargento da Marinha Herbert da Conceição teve uma boa atuação contra o cubano Arlen López, atual campeão olímpico e mundial na sua categoria, mas acabou derrotado por pontos, levando a medalha de prata.
As conquistas de Bia e Hebert se juntam às duas pratas dos Sargentos do Exército Jucielen Romeu (57kg) e Keno Machado (81kg), na última quinta-feira (1º) e aos dois bronzes dos Sargentos do Exército Flavia Figueiredo (75 Kg) e Abner Teixeira da Silva (91 Kg), conquistados na quarta-feira (31). Assim, com 6 medalhas, o boxe brasileiro encerra sua brilhante participação no pan-Americano 2019.

Sargento da Marinha Beatriz Ferreira conquista o ouro no boxe, categoria 60kg, nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019.
Sargento da Marinha Beatriz Ferreira (vermelho) na disputa da medalha de ouro contra a argentina Dayana Sánchez



Fotos: Pedro Ramos/ rededoesporte.gov.br

Por: Maristella De Luca Marszalek